quinta-feira, 19 de abril de 2007

"Sô más mácho qui muito hómi!"

Sem dúvida uma das minhas cantoras preferidas. Os temas das canções que interpreta são sempre actuais sem perderem a sua pertinência artística.
A letra da canção abaixo ilustra bem essa procura de irreverência e destaque tão marcante no universo feminino...


Pagu
Maria Rita

Composição: R. Lee E Z. Duncan

Mexo, remexo na inquisição
Só quem já morreu na fogueira
Sabe o que é ser carvão
Eu sou pau pra toda obra
Deus dá asas à minha cobra
Minha força não é bruta
Não sou freira nem sou p*ta

Porque nem toda feiticeira é corcunda
Nem toda brasileira é bunda
Meu peito não é de silicone
Sou mais macho que muito homem

Ratátátá

Sou rainha do meu tanque
Sou Pagu indignada no palanque
Fama de porra-louca, tudo bem
Minha mãe é Maria-Ninguém
Não sou atriz-modelo-dançarina
Meu buraco é mais em cima

Porque nem toda feiticeira é corcunda
Nem toda brasileira é bunda
Meu peito não é de silicone
Sou mais macho que muito homem

Ratátátá






http://www.maria-rita.com/


http://www.mariaritamariano.net/

3 comentários:

I'm Bill Corrigan and I approve this message! disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
PixaComXis Produxões disse...

tenho amigos mais mulheres que ela

Foka_bock disse...

O legado genético é bom, apesar da auto-destruição que, muitas vezes, o génio acarreta. A música é boa, assim como as letras. Acho que é uma figura bem representativa da bandeira que se quer para este blog.

P.S. Para quem não sabe, esta senhora é filha de Elis Regina