segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Deolinda

Este fim-de-semana,graças ao meu amigo Metamorfose Ambulante, descobri este som e fiquei muito bem impressionada!
Aqui fica este tema que é o nosso Portugal chapadinho...

15 comentários:

PixaComXis Produxões disse...

Se tivesses "vivido" um mês ambulante já sabias a música de trás prá frente :)

Foka_bock disse...

lol, o estável é obstinado nas suas descobertas musicais, é!

PixaComXis Produxões disse...

descobertas pronto e virgula, o estável é fascinado no ipod do patrãozinho

Vigilant Side-Kick disse...

Nao percebo o fenomeno deolinda. Nao e mau, mas e fraquinho. Tudo cheira a requentado ali. Ficam a meio caminho entre o nada e o coisa nenhuma...

HR disse...

Concordo com o Vigilante. Não é mau de todo mas também não é nada de especial. A Naifa é bem mais interessante e ousada na reciclagem da linguagem fadista.

Essa Metamorfose Ambulante disse...

a reciklagem da linguagem fadista...????? ké isso pá? menos teoria meus senhores... fartos d akademikos estamos todos nós...
eu plo menos tou..
e xora deolinda e os amigos têm altos poemas, a musika agrada-me.. apenas isto, exprimentem lá "sentir" só, e kagar na analise krítika... lembram-se dakele filme animado da Disney do ratinho kozinheiro, akele kritiko k no fim komeu um rattatui k lhe fez lembrar a paparoka na mãe......
um bokadinho d humildade não vos fikava nada mal...

Foka_bock disse...

Ah foi o meu menino que obstinou o estável! conservam alguma alma, o que é bom. O poema não deve mudar... terei de averiguar.

Vigilant Side-Kick disse...

Felizmente - e insisto no felizmente- não gostamos todos do mesmo.

Em termos de reciclagem de fado posso, sem me cansar muito, lembrar-te de uns 5 ou 6 nomes que o fazem com mais competência e qualidade. E essa dos academismos não é para mim de certeza... ;-)

Mas, volto a repetir, não acho a Deolinda (banda, a sra da pelo nome de Maria Bacalhau - juro que tou a falar serio!)uma má banda. Só não os acho merecedores do tremendo entusiasmo gerado à sua volta.

Mas como me disse, e muito bem mas por outras palavras, a proprietaria deste tasco - neste pais qualquer banda de merda é um fenómeno, é natural que as outras também o possam ser.

Claricinha disse...

"Mas como me disse, e muito bem mas por outras palavras, a proprietaria deste tasco - neste pais qualquer banda de merda é um fenómeno, é natural que as outras também o possam ser."

Vigilante, estava a ver se me abstinha, mas vejo-me obrigada a responder: não me lembro de ter dito isso, nem por essas palavras nem por outras. E em relação à Sra. Bacalhau e sua banda apenas ouvi e gostei, nao há aqui histerismos de qualquer espécie!

(Estas picardias na blogosfera são curiosas...)

Vigilant Side-Kick disse...

Pois eu lembro-me, quando na passada 6a a noite em frente ao #3, fizeste referência a bandas tipo Just Girls e afins que se tinham tornado fenomenos, sendo de qualidade inferior à Deolinda.

E eu, respeitando a tua opinião e a dos outros, limitei-me a dar a minha, sobre uma banda que considero banal.

No meu blog, aceito opiniões divergentes da minha. Outras pessoas optam por eliminar ou simplesmente proibir comentarios, quando não querem ser contrariados. O delete está à distância de um click.

Ah - e já na referida 6af, usaste o termo histeria, repetido hoje, como se eu o tivesse empregue. Como podes ler, nunca o utilizei - histeria so com os Beattles ou com o Elvis, e ai seria justificada.

Quanto a picardias... é uma forma de ver as coisas, eu cá não gosto é de ser mal interpretado nem que me ponham nas mãos palavras que não utilizei.

Peace.

Vigilant Side-Kick disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Claricinha disse...

Não elimino comentários de opiniões, sou democrata e como tal aceito a tua opinião e a de toda a gente, mas posso não concordar. Houve aqui interpretações diferentes, a subjectividade tem destas coisas... Quanto ao meu comentário das Just Girls, juro que não me recordo, se calhar porque era 6a a noite...lol.

Também sou da paz, estas picardias são saudáveis, nao tenho nada contra elas!

HR disse...

"reciclagem da linguagem fadista" -o que é teórico ou académico aqui, ó metamórfico: a) reciclagem?; b) linguagem; c) fadista? Peço desculpa pela falta de humildade... mas não vi o rattatui (só vejo filmes sobre gastronomia popular, nunca sobre nouvelle cuisine, que mete doses pequenas, rúcula selvagem e chimichurri, que é coisa de elites).

Essa Metamorfose Ambulante disse...

bravo a todos...
mak fartei-me d rir, obrigado, adoro esse teu ar selvagem, k gosta d koisas simples komo um sorriso de uma kriança ou o karinho d um padre..
tou kuz olhuz à arder..
pikardias tb fazem falta, guerras de ego é o k se ker...
melhor ainda, depois tamos todos juntos a beber kopos e rir disto :)

HR disse...

Para quem tem ar selvagem (e sem lei) essa metamorfose também não vai nada mal - brindarei a isso, com mini ou chamapanhe!